Saco de Poesia

O projeto “Saco de Poesia” pretende publicar textos poéticos produzidos por jovens estudantes em sacos de papel, aliando cultura a responsabilidade ambiental, incentivando simultaneamente a escrita, a leitura e a redução do uso de sacolas plásticas em padarias do comércio de Ipiaú-BA.

 O caminho até a publicação das poesias passa pela realização de uma Oficina de Linguagem Poética que deve ser o lugar em que a convivência com a poesia aconteça de fato, permitindo o contato com diferentes autores e estilos, reavivando a capacidade de olhar e ver o que é a essência do poético através de atividades que permitam uma compreensão maior da linguagem poética e lhe dê condições para que ensaie seus próprios passos em poesia. Aqui os participantes serão estimulados a produzir poesias de modo que proporcione o envolvimento das potencialidades, habilidades e criatividade dos mesmos.  A atividade acontecerá nos dias 11 e 18 de outubro no Colégio Modelo Luiz Eduardo Magalhães de Ipiaú-BA.

 Os textos produzidos ultrapassarão os muros da escola e chegarão à população e ao comércio local através da publicação em vinte mil (20.000) saquinhos de papel, apropriados para contato com alimento. Com o “Saco de Poesias” cria-se condições para que os estudantes desenvolvam e aperfeiçoem o uso da língua escrita ao passo que se estabelece condições para que eles se sintam representados na comunidade onde estão inseridos com a publicação de poesias produzidas por eles mesmos.

 A poesia desperta a sensibilidade para a manifestação do poético no mundo, nas artes e nas palavras. O convívio com a poesia favorece o prazer da leitura do texto poético e sensibiliza para a produção dos próprios poemas. O exercício poético desenvolve uma percepção mais rica da realidade, aumenta a familiaridade com a linguagem mais elaborada da literatura e enriquece a sensibilidade.

 Esta iniciativa, além de abrir espaço para novos escritores, visa aproximar as obras poéticas do público, despertar o gosto pela leitura e o interesse das pessoas pela poesia, fazendo a literatura circular. O projeto é vencedor do prêmio Calendário das Artes, da Fundação Cultural do Estado da Bahia, Secretaria de Cultura, Governo do Estado da Bahia e é realizado pelo Núcleo de Produções Artísticas. Para mais informações acesse: www.nuproart.com.br ou através do e-mail: contato@nuproart.com.br

Inscritos:

Calena Santana Trindade

Jessica Ribeiro Duarte

Aline de Jesus Santos

Itielle Santana

Andela Gonçalves Lopes

Nair Emanuelle Trindade

Gabriel Oliveira Santos

Gabriela Novais dos Santos

Raiza Souza Dias

Danielli Silvo Santos

Ravi Damasceno

Adriele de Almeida Menezes

Uesllei dos Santos Coelho

Bruna Fernandes Benevides

Fabiana Vieira Silva

Carine Cerqueira dos Santos

Luiza Braga Macêdo

Giovane Alcantara dos Santos

Everton de Jesus Silva

Krolyne dos Santos Silva

Nathalle Silva Melo

Felipe Santos Alcântara

Wesley Yuri Silva Lisboa

Jaqueline Santos Assunção

Israel Mendes Tavares dos Santos

Sammila Santos Brandão

Flávia Novais dos Santos

 

Equipe:
Produção Executiva e Gestão do projeto – Cristiane Santana
Coordenação de Produção e Registro Fotográfico -Victor Aziz.
Programadora Visual – Kaula Cordier.
Facilitadores da Oficina – Brisa Aziz, Mither Amorim e Daniela Galdino

sacodepoesia_cartaz (1)