Memórias do Rio Cachoeira

A poesia grapiúna, a sonoridade da Banda Manzuá e o audiovisual. Essas são as três linguagens por meio das quais o Memórias do Rio Cachoeira (MRC) registra a memória cultural da cidade de Itabuna (sul da Bahia), especialmente a sua relação com o Rio Cachoeira.      O box esta recheado de novidades. O CD é composto com poemas de diversos autores itabunenses, musicados pela Banda Manzuá. Os 12 poemas selecionados para serem musicados conferem a essência das memórias dos escritores/poetas relacionadas ao Rio Cachoeira, como: Valdelice Pinheiro, Daniela Galdino, Firmino Rocha, Ruy Póvoas, Cyro de Mattos, Iana Carolina, Mither Amorim, Kléber Torres e Lorenza Mucida. Tudo isso traduzido pela musicalidade distinta dessa banda sul baiana, que traz em sua proposta um universo sonoro misturado, o que a enquadra e destaca no cenário alternativo da região.         No DVD encontramos o documentário sobre aspectos da história do Rio Cachoeira e a sua relação com a história de Itabuna, nele foram utilizados os poemas musicados como elemento narrativo, gerando, assim, uma trilha sonora regional e inédita. Nos extras encontra-se o making-of e o video clipe do poema Correnteza de Ruy Póvoas.          A fim de contribuir para o enriquecimento do acervo audiovisual local é que o “Memórias do Rio Cachoeira” foi realizado, abordando temas relacionados com cultura, história, memória, sociedade, consumo, biologia, geografia, bacia hidrográfica e gestão de recursos hídricos. Com palavras, vozes, sons de guitarras, tambores e sob as lentes de uma câmera, foram descortinadas memórias de um rio que banha Itabuna e região, que foi e continua sendo cenário importante da vida do povo grapiúna.           Este projeto é vencedor do edital de Apoio a produção de conteúdo em música no estado da Bahia, da Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB). É uma realização do Núcleo de Produções Artísticas, da Panorâmica Produções e Banda Manzuá.